Páginas

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Pelaipe confirma que Rochemback acertou com o Dalian Shide F.C, da China


O Grêmio está vendendo o seu capitão das temporadas de 2010 e 2011 para o futebol chinês. No banco de reservas da equipe do técnico Caio Jr., Fábio Rochemback está de saída do Olímpico. A confirmação veio através do diretor executivo de futebol, Paulo Pelaipe. O clube que está adquirindo o jogador é o Dalian Shide FC.


Segundo ele, a proposta é boa financeiramente para o jogador e também para o clube. Os valores teriam chegado a US$ 5 milhões.


"Hoje tivemos um contato e o jogador deve viajar na próxima semana fazer os exames. A proposta é boa para o Grêmio e o atleta está liberado viajar e fazer exames", disse à Rádio 
Gaúcha.


Rochemback chegou em 2009 ao Grêmio, ainda na gestão do presidente Duda Kroeff. Alternando bons e maus momentos, ele se fixou como titular com o técnico Renato Portaluppi, há dois anos, sendo um dos líderes da equipe que chegou até a Copa Libertadores da América. 


O volante dá adeus ao clube depois de ter sido o "responsável" pela classificação do rival Inter para a Libertadores deste ano. Ele cometeu o pênalti que deu a vitória para os colorados na última rodada do Brasileirão do ano passado.

A noite é D'ele


Com D'Alessandro inspirado, Inter vence Once Caldas com gol de Leandro Damião Diego Vara/Agencia RBS
Damião fez o gol da vitória.

Apenas 45 minutos foram necessários para que o Inter garantisse um resultado positivo na partida contra o Once Caldas na noite desta quarta-feira no Beira-Rio. Com D'Alessandro inspirado ao extremo na etapa inicial, o time de Dorival Júnior fez o simples e viaja para a Colômbia com a vantagem do empate — ou de uma derrota desde que marque gol — para entrar na fase de grupos da Libertadores. Leandro Damião marcou o gol colorado.
Desde a chegada no Beira-Rio, a torcida gritava "Fica, D'Alessandro" e mostrava faixas e cartazes pedindo a permanência do gringo. E os apelos faziam valer: o camisa 10 foi o maestro colorado e ditou o ritmo das principais jogadas do Inter.
O argentino bateu faltas, fez cruzamentos, buscou o gol o tempo todo. Aos três minutos, um chute forte por sobre o gol assustou Martinez. Dois minutos depois, com uma bela troca de passes com Oscar, seguiu mostrando aos colombianos que a noite era dele. E, é claro, foi do gringo o passe para o gol de Leandro Damião, aos 11 minutos da etapa inicial.
Damião entrou livre pelo meio da área e recebeu um passe açucarado do argentino. Os zagueiros do Once Caldas pediram impedimento, mas o atacante colorado, alheio ao erro defensivo do adversário, apenas deslocou Martinez. Era o 1 a 0 desejado.
Parecia que a porteira estava aberta e que viriam mais um, dois, três gols. Parecia. O Inter trabalhava, chegava com facilidade. Desnorteava os zagueiros e os volantes do Once Caldas como se fosse um jogo-treino. Os colombianos não tocavam na bola. Mas, a exemplo do ano passado, o Inter chegava bem mas não confirmava as principais jogadas ofensivas.
Dagoberto mostrou maior entrosamento com Damião, Oscar e D'Alessandro. E a atuação do quarteto encheu a torcida colorada de esperança para os próximos jogos.
Segundo tempo morno
Parecia outro jogo. A etapa final da partida entre Inter e Once Caldas caiu de produção. Os dois times visivelmente sentiram o início da temporada e a falta de ritmo de jogo. Dagoberto, há muito sem jogar, foi substituído por Marcos Aurélio, mas o também estreante no Beira-Rio pouco fez. João Paulo também entrou na vaga de Oscar, mas não teve tempo para fazer muito mais que uma ou duas jogadas medianas.
D'Alessandro reticente quanto ao futuro
Ao final do jogo no Beira-Rio, El Cabezón, visivelmente emocionado, ainda deixou em dúvida o sentimento do torcedor quanto sua permanência no Beira-Rio:
— Para mim mexe comigo, com minha família (o carinho do torcedor). É muito emocionante, mas eu sou profissional. Tenho uma proposta muito importante para mim, para minha família. E agora vamos ver o que acontece. Torcida tem de saber que sempre que D'Alessandro jogou se doou pelo time, pelo grupo. Esse jogo foi importante — resumiu D'Alessandro.

Enfim, o ataque 2012 apareceu, Kleber e Moreno decidem contra o Canoas


Dupla de ataque desencanta e Grêmio vence o Canoas por 3 a 1  Mateus Bruxel, Agência RBS/Caio Júnior conseguiu sua primeira vitória no comando do Grêmio. E a noite foi de muitas "primeiras vezes", pois Kleber e Marcelo Moreno também marcaram para o Tricolor. Gabriel, que entrou no segundo tempo para mudar a história do jogo, fez o outro. O gol de honra do Canoas saiu dos pés de Marcelão.

No primeiro minuto de partida, o Grêmio descolou um escanteio. Na cobrança de Marco Antônio, Grolli escorou para Kleber colocar com tranquilidade no canto esquerdo do goleiro Ney. Foi o primeiro gol do Gladiador com a camiseta do Grêmio.
Marcelo Moreno, o estreante da noite, não concluiu no primeiro tempo por detalhe. Aos 22 minutos, o camisa 9 recebeu um lançamento de Kleber na cara do goleiro. O boliviano matou no peito, mas se desequilibrou e perdeu para Ney.

Aos 31 minutos, a principal falha do Grêmio na estreia contra o Lajeadense se repetiu. Segundo jogo, segundo gol que o time leva em jogada de bola parada. Na cobrança de escanteio do Canoas, a defesa tricolor se atrapalhou e a bola sobrou para Marcelão, que venceu a disputa com Grolli antes de concluir. 

SEGUNDO TEMPO
Na volta para a etapa complementar, Caio Júnior trocou Marco Antônio por Gabriel. E acertou. O atleta mudou o ritmo da partida. Logo aos seis minutos, pegou o rebote de uma bomba que Léo Gago mandou de fora da área e colocou o Grêmio novamente na frente.
O gol fez muito bem ao time. O Grêmio passou a dominar a partida, mostrando grande volume de jogo. Aos 14, Julio Cesar cruzou pela esquerda e deixou Moreno na cara do gol. O boliviano matou no peito, mas a zaga impediu a conclusão.
Um minuto depois, Gabriel mandou uma pancada no gol do Canoas. Ney espalmou e Carvalho conseguiu afastar. Aos 22 minutos, mais uma vez Gabriel. O lateral fez uma bela tabela com Douglas e quase marcou o terceiro do Grêmio. 

E foi aos 41 minutos da etapa complementar que Marcelo Moreno deixou sua marca. O boliviano recebeu um cruzamento de Kleber e, de cabeça, fez o gol. Como vocês bem sabem, o seu primeiro no time.

No domingo, o Tricolor enfrenta o Juventude, às 17h, no Alfredo Jaconi. Já o Canoas joga em casa contra o Cerâmica, no sábado, às 20h30min. 

Começa hoje a decisão para o Inter, é a Pré-Libertadores!


Inter começa diante do Once Caldas decisão que vale o primeiro semestre Genaro Joner/Agencia RBS
D'alessandro está confirmado.

Após uma semana em que a oferta do Shanghai Shenhua para o meia argentino desestabilizou o Beira-Rio e fez a torcida colorada temer que seu principal jogador pudesse deixá-la às vésperas do principal jogo da temporada até o momento, é com sensação de alívio que os mais de 30 mil torcedores entrarão no Beira-Rio hoje. Pois os colorados sabem — e a comissão técnica também — que o Inter que enfrenta o Once Caldas a partir das 22h terá as principais jogadas ditadas pelo camisa 10 argentino.
— A presença do D'Alessandro é fundamental — resumiu o técnico Dorival Jr. na entrevista coletiva de ontem.
Dorival terá a disposição um grupo praticamente completo para a partida que pode definir o semestre. Ou, como o próprio técnico destacou, do ano, uma vez que sair da Libertadores ainda em janeiro tira a possibilidade de o Inter viajar ao Japão em dezembro.
Com exceção de Tinga, que ainda se recupera de lesão muscular, o técnico colorado poderá levar a campo força máxima e testa uma formação que pode ser considerada ideal, com os argentinos Bolatti e Guiñazu resguardando a defesa e os meias Oscar e D'Alessandro oferecendo munição para a artilharia de Damião e Dagoberto.
Lá atrás, na defesa, o veterano multicampeão Índio e Rodrigo Moledo tentarão segurar o ímpeto de Jorge Núñez, Jéfferson Cuero e John Pajoy. Nei e Kleber completam as laterais, enquanto Muriel busca não sofrer gol em casa — nesta fase da competição, há o saldo qualificado.
— Temos de ter consciência de que enfrentaremos uma equipe rápida, que visa a velocidade dos homens de ataque. Trabalhamos esse tipo de jogada para não sermos surpreendidos. O futebol colombiano sempre primou por ser parecido com o futebol brasileiro, com calma, troca de passes e transição rápida. Todo o cuidado é pouco — explicou Dorival.
ESCALAÇÃO
INTER
Muriel; Nei, Moledo, Índio e Kleber; Bolatti, Guiñazu, Oscar e D'Alessandro; Dagoberto e Leandro Damião. Técnico: Dorival Júnior.
ONCE CALDAS 
Neco Martínez; Jamell Ramos, Emanuel Acosta, Diego Amaya e Mauricio Casierra; Harrison Henao, Avimeleth Rivas e Mario González; Jorge Núñez e Jéfferson Cuero; John Pajoy. Técnico: Pompilio Páez
ARBITRAGEM:
Martin Vazquez, auxiliado por Mauricio Espinosa e Miguel Nievas (trio do Uruguai).

Na estreia de Moreno, Grêmio busca vitória contra o Canoas

Com Moreno, Grêmio busca a primeira vitória no Gauchão diante do Canoas Isadora Neumann/Agência RBS
Moreno fará sua estreia.
A torcida gremista enfim poderá ver o desempenho da sua nova dupla de ataque: Gladiador e Moreno, o boliviano não participou do primeiro jogo da equipe azul na temporada, devido a uma lesão muscular, o qual o Grêmio perdeu de 2x0 contra o Lajeadense. Hoje, tenta se levantar contra o Canoas, às 19:30 no Complexo Esportivo da Ulbra.


Caio Júnior implantou uma nova formação na equipe, a mesma que Renato fez sucesso em 2010, o 4-4-2 em losango, buscando dar  mais velocidade ao time e apoio dos laterais. Fernando será o primeiro, Marco Antônio na direita, Léo Gago na esquerda e Douglas na frente. Mas o comandante aposta mesmo suas principais fichas no ataque:

— Talvez o mais importante da pré-temporada, no aspecto tático, foi a dupla formada por Kleber e o Marcelo Moreno. Ele (Moreno) treinou muito bem ontem (terça), está muito motivado. Acredito muito nesta dupla. Acho que eles vão fazer um grande jogo — avaliou.

ESCALAÇÕES:
GRÊMIO: Victor; Mário Fernandes, Saimon, Douglas Grolli e Julio Cesar; Fernando, Léo Gago, Marco Antonio e Douglas; Kleber e Marcelo Moreno. Técnico: Caio Júnior
CANOAS: Ney; Carvalho, Marcelão, Mathias; Marder, Davi, Ricardo (Dudé), Jé, Kauê; Miro Bahia (Telê) e Diogo Oliveira (Hyantony). Técnico: Marcelo Estigarribia
Início: 19h30min
Arbitragem: Fabrício Neves Correa com Alduíno Mocelin e Sedenir Martins
Local: Complexo Esportivo da Ulbra, em Canoas
O jogo no ar: a Rádio Gaúcha abre a jornada esportiva às 18h40min. TVCOM e PFC 5 transmitem ao vivo.

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Dátolo acerta com o Inter e chega nesta quarta


O Internacional confirmou nesta terça-feira que o meia argentino Jesús Dátolo, do Espanyol, desembarca nesta quarta-feira em Porto Alegre para acertar com o Colorado.

O jogador de 27 anos tem chegada prevista para a parte da manhã e vai passar por exames médicos antes de assinar contrato com o Internacional. Se tudo correr bem, a apresentação será na parte da tarde, na sala de imprensa do Beira-Rio.

O vínculo de Dátolo com o Internacional será de três anos e ele custou aos cofres colorados 3 milhões de euros (R$ 6,8 milhões).


Com a chegada do meia, e o 'fico' de D'alessandro, os 2 podem jogar juntos no Internacional, amanhã (quarta-feira) a equipe gaúcha estréia na Pré-Libertadores, contra a zebra Once Caldas, que na última competição eliminou o forte time do Cruzeiro nas oitavas de final.

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Fim da Novela: Dnipro recusa oferta e Grêmio encerra negociação por Giuliano



O Grêmio informou em seu site oficial a seguinte nota sobre Giuliano:



"O Grêmio, por meio de sua direção, informa que as propostas, em conjunto com o grupo de investidores, para a aquisição do atleta Giuliano, não foram aceitas pelo clube Dnipro, da Ucrânia. O Grêmio agradece a postura e participação do atleta e de seu procurador e considera as negociações encerradas."